Arquivo do mês: janeiro 2010

Força Brasileira

Alejo Muniz

Paracuru pegou fogo no último dia do Maresia Ceará Internacional, etapa 6 estrelas do WQS.

O evento todo foi dominado pelos brasileiros, o gringo que mais sobreviveu foi o havaiano Sebastien  Zietz, mas caiu para Alejo Muniz na segunda semi-final do dia.

Alejo fez um evento exemplar. Parecia estar no seu quintal-de-casa, estava bem confortável lá fora. Pegou as melhores ondas em todo o evento, sempre deixando seus adversários nas combinações. Alejo só caiu perante o cearense, recém saido da elite mundial, Heitor Alves.

Heitor Alves, assim como Alejo, teve uma apresentação impressionante em todo o evento. Destruiu as ondas com suas batidas e rasgadas, estava bem a vontade, fazendo o que queria.

A final entre os dois foi eletrizante.

O começo foi meio devagar, a maré tava cheia e as poucas ondas que vinham, vinham cheias e dificultavam as manobras. Heitor começou com um 1.50 e um 3.50, contra 2.17 e 5.33 de Alejo. Até ai, sem muita movimentação e poucas ondas. Mas netuno resolveu despertar as ondas e as mandou na hora certa.

Heitor com grandes batidas, fez um 7.67 e forçou Alejo a pegar uma boa. Alejo não decepcionou e fez um 7.83, colocando fogo na final e se mantendo a frente. A torcida na areia era grande e em sua grande maioria, para Heitor Alves. A pressão se manteve até os últimos minutos, era uma onda atrás da outra e a briga não ficou só na água, ao término das ondas, ambos saiam correndo para ver quem chegava primeiro no outside pra conquistar a prioridade.

Passados alguns minutos, Heitor teve uma boa onda e fez um 5.73, virando pra cima de Alejo. Logo depois, o cearense com uma ótima onda, fez um 8.40 e complicou para o garoto de bombinhas. No final, Alejo conseguiu uma ótima onda, fez duas rasgadas limpas, perfeitas e uma outra manobra no crítico. Ele precisava de um 8.25 pra virar, mas ao ver dos juízes não foi suficiente. Alejo bateu na trave e só conseguiu um 8.17.

Com uma diferença de apenas 0.07, Heitor Alves levou o Maresia Ceará International.

Heitor Alves

Ao soar da buzina, Heitor saiu da água comemorando muito junto com a torcida. O cearense que saiu recentemente da elite mundial, começa o ano com tudo e vai em busca da sua vaga novamente. Já Alejo, que por pouco não entrou pra elite no ano passado, com certeza vai se dar bem esse ano. Com um surf limpo, redondo, aposto que na segunda parte do ano, ele já esteja correndo pelo WCT graças ao ranking unificado.

Força Heitor! Força Alejo! Força Brasil!

Anúncios

Festival Alma Surf 2010

O movimento surfístico na cidade da garoa começou.

O Festival Alma Surf, assim como nos dois anos passados, se instala no Morumbi Shopping e oferece ao público o melhor do surf:

– mostra de arte
– mostra de fotografia
– exposição de pranchas
– festival internacional de cinema

Pra saber mais sobre o evento, clique aqui.

Surf: Condições Extremas

Swell de ano novo em New Hampshire com muito frio.