Arquivo da categoria: Photography

www.thiagodorta.com

O fotógrafo Thiago Dorta lançou sua página na internet.

No site, vocês, caros amigos, podem acompanhar minhas viagens, projetos pessoais e trabalhos produzidos pelo fotógrafo.

Para visitar o site do fotógrafo, acesse Thiago Dorta.

Clique nas fotos de entrada para acessar os álbuns.

Anúncios

Alma do Mar





Jeffreysbaai na Revista Parafina #22

Jeffrey's Bay na Parafina

Na mais nova edição da Revista Parafina, você confere uma matéria minha relatando a trip pra Jeffrey’s Bay que fiz no ano passado.

Além da matéria sobre J-Bay, você confere um especial de Fernando de Noronha, Arte por conta do artista Tom Veiga e na sessão Profile, o fotógrafo Russ Hennings mostra um pouco de seu trabalho pra vocês.

Não deixe de conferir a edição #22, que acabou de sair da prensa e é de graça. Corre lá!

REVISTA PARAFINA #22

Festival Alma Surf 2010

O movimento surfístico na cidade da garoa começou.

O Festival Alma Surf, assim como nos dois anos passados, se instala no Morumbi Shopping e oferece ao público o melhor do surf:

– mostra de arte
– mostra de fotografia
– exposição de pranchas
– festival internacional de cinema

Pra saber mais sobre o evento, clique aqui.

Good Times Roll

Felicidade

 

Felicidade

Descobri que a maior felicidade que existe é a silenciosa certeza de que vale a pena viver.

Passagem do livro, “Cem Dias Entre Céu e Mar, Amyr Klink”

 

Donavon Frankenreiter em Curitiba

Depois de um mês de espera, finalmente chegou o dia.
O dia do tão sonhado, show do DONAVON FRANKENREITER em Curitiba.

Donavon Frankenreiter e Matt Grundy no Lupaluna Festival

Vou começar falando um pouquinho do Felipe Harp. Pra quem não conhece, ele é o ex-gaitista do The Beautiful Girls, e agora lançou um EP solo. Perdi o show dele quase que inteiro, mas deu pra pegar um pedacinho de Morning Sun e All i Need. Foi irado! Mesmo ninguém conhecendo, no final, uma galera veio me perguntar quem era ele e tal.

Felipe Harp no Festival Alma Surf 2009

Depois, tive que esperar pelo Don durante uma hora, ouvindo Fresno. Não foi fácil não, demorou uma eternidade. Mas quando chegou a vez do Donavon, o tempo meio que parou, ele tava ali, na minha frente e eu não conseguia parar de sorrir.

Depois de dois anos, ele tava lá, de novo, tocando de um jeito capaz de fazer sumir a multidão que tava do meu lado. Meu Deus, Life, Love, Laughter foi PER-FEI-TA! That’s too bad, What’cha know about, Call me Papa, Free, Move by Yourself, On my mind, Your heart, Swing on Down. Cara, foi perfeito!

Durante o show, o chapéu dele caiu da cabeça, assim que a música acabou, ele simplesmente pegou o chapéu e jogou pra galera. Além das latinhas de cerveja, que ele tomava um gole e jogava e o microfone que ele jogou pra galera cantar. Caraca! Mas tudo que é bom acaba depressa, e meu, como aquela uma hora passou rápido, não vi o tempo passar. Tão logo ele saiu, começaram os gritos de “mais uma”. Lógico que ele não resistiu, e voltou ao palco para tocar a música que foi a melhor de todo o show. “It don’t matter”, ele tocou igual a música no DVD.

Donavon Frankenreiter em Curitiba

O Bigodão pulou do palco e foi pra grade cantar com a galera. E mais, ele CAIU na galera. Caraca, foi irado! Chegou pertinho de mim. Se pra mim já ta surreal de acreditar, imagina pra quem não viu tudo isso? Por isso, vou deixar esse vídeo pra vocês verem com seus próprios olhos.

Pra quem foi, fica a lembrança do melhor show do Lupaluna!

Erika Hayashi.
www.flickr.com/photos/_elikaa