Arquivo da tag: Fotografia

Ingressos Festival Alma Surf 2009

Clique e compre

Clique e compre

Começou a venda dos ingressos e passaportes para o Festival Alma Surf 2009.

Confira a programação no post anterior e efetue sua compra. Promete ser grande e ótimo como todos os anos.

Anúncios

Festival Alma Surf 2009

fest2009

Quer saber mais sobre as atrações do Festival Alma Surf esse ano?

Acesse: https://xpressurf.wordpress.com/alma-surf-festival/

Parafina #13

PARAFINA-13-CAPA

Mais uma edição da Parafina pra galera se deliciar com altos textos, dicas músicais e muito mais.

Se você ainda não conferiu a #13 da Parafina, tá esperando o que? Correeeeeeeeee.

www.revistaparafina.com.br

Rip Curl Pro 2009 – Quarter Finals

Fotógrafos de olho no mar!

Fotógrafos de olho no mar!

Enquanto os fotógrafos em Winkipop e Bells ficam de olho por nós no mar, tirando as melhores fotos, nós lhe mostramos como ficou as chaves para as quartas-de-final.

Quartas-de-Final

#1 CJ Hobgood (USA) x (AUS) Joel Parkinson
#2 Mick Fanning (AUS) x (ZAF) Jordy Smith
#3 Adam Robertson (AUS) x (HAW) Kekoa Bacalso
#4 Kieren Perrow (AUS) x (HAW) Fredrick Patacchia

Amanhã acontece as quartas, as semis e a final.

As quartas-de-final vão ser adrenalina pura. As chaves estão ótimas e as duas primeiras baterias, vão ser pauleira, onda atrás de onda. Se Jordy Smith surfar o que surfou hoje, vai dar trabalho para Mick Fanning. Joel que está atrás da segunda vitória do ano, vai ter que passar pelo norte-americano CJ Hobgood, que está vindo muito bem também. Adam Robertson, o destaque por parte dos aussies, ganhou as trials e vem deixando sua marca, surfou muito bem hoje e vai dar trabalho para Kekoa. E na última bateria, Kieren que está com uma média boa, vai enfrentar o hawaiano Patacchia, que teve a melhor nota do dia.

Amanhã, todos ligados no Xpressurf e no site da Rip Curl, a briga promete ser boa!

O Mar

O Mar durante a noite é surpreendente, pode nos ensinar muito com apenas o vai e vem das ondas e o melancólico sopro do vento. Durante a noite nossa visão é limitada e nossos sentidos, revigorados. É no meio da noite, no silêncio devastador que paramos e estudamos tudo. Contemplar a sabedoria das Estrelas, a Lua, o Mar, o Ar, a Terra e a Vida. Momentos simples, como uma gota de chuva que cai na folha e escorre até atingir o solo ou de estar em alto mar e poder assistir o pôr-do-sol, momentos que nos trazem a paz espiritual e a sabedoria necessária em nossas mentes e corpos para que atinjamos o equilíbrio, mesmo que momentâneo. 

O Mar durante a noite, pode ser assombroso e assustador, algo simplesmente pode vir e nos tirar do caminho sem que ao menos tenhamos chance de nos defender. Apesar de quão assustador ele possa ser, temos que nos manter alertas e sem medo, já que o medo nos impede de realizar atos que até então estavam fora do alcance próprio. Sentado na prancha em meio ao mar agitado, as séries de ondas não para e a sensação é como se uma força maior estivesse querendo te tirar de jogo. São várias séries na cabeça, durante a noite, só se ouve o barulho das ondas quebrando, as baforadas do mar querendo brincar um pouco com um forasteiro, você. Depois de muitas séries, a auto-estima já caiu bastante mas temos que manter a chama acesa e a vontade mais forte ainda. A força natural da vida te da aquele fôlego pra você não desistir tão fácil e você vai e tenta de novo, tenta pegar uma onda noturna, iluminado apenas pela lua e as estrelas que brilham no céu, os espectadores que te assistem e mandam força. De repente, aquele momento que antes fora criado pela sua imaginação, agora se torna real, você está naquela onda, a onda que você esperou tanto, aproveita ela cada segundo, uma onda surreal, cheia de tubos e água, muita água.

Quando senta na sua prancha de novo, admira aquele momento, traz de volta o registro fotográfico que sua mente fez especialmente pra você, agradece aos seus espectadores particulares e agora já está pronto para sair do mar, agora momento único e diferente todos os dias, o nascer da grande estrela flamejante, o Sol, os primeiros raios atingem seu rosto e seus dentes que brilham com a felicidade de ter pego uma onda surreal e mágica. Um vento cósmico bate na sua cara e você sente que é hora de sair do mar, mas as sessões não param e parecem querer sempre quebrar em você. O mar está agitado, você procura uma saída e não consegue achar, mas um brilho aparece ao fundo, um brilho que está se movimentando rápido e vindo em sua direção, um outro ser de sua espécia, de sua raça, um outro surfista, que também já foi como você, já buscou a sua própria onda surreal e ele lhe chama, lhe estende a mão e diz:

– Vem, aqui está a saída(ou talvez a entrada)!

Você começa a remar em direção ao brilho do surfista e a coisa mais importante no momento é encontrá-lo…

*(Esse é o modo como me sinto no momento.. IMAGINE!)
**(Continua…) 

Thiago Dorta

Trip em J-bay

jbay

Quem nunca ouviu falar em J-bay? Uma das mais conhecidas ondas desse imenso planeta, natureza impecável e cultura rica.

Em Junho, estou indo pra lá, curtir as ondas e fotografar muito. O período que vou estar lá vai coincidir com o Billabong Pro, etapa do WCT realizada em Jeffreys Bay. Como toda viagem, o destino e o roteiro nem sempre são certo e seguidos conforme o planejado, o inesperado na maioria das vezes nos surpreende e sei que uma parte desse continente mágico que é a África, vai me trazer muitas experiências, novas, boas, ruins, o importante de tudo é aproveitar ao máximo. Muitos textos serão criados juntos com suas respectivas fotos, tentando representar os momentos. Essa trip vai ser FODA! Alguém quer me fazer companhia? Boraa.

Alguém aí tem alguma dica sobre J-bay? Conhece alguém lá? Me manda um email com o contato da pessoa, se possível.

Estou a procura de ”patrocinadores”, qualquer tipo de comércio ou pessoa que se interesse em ter sua marca divulgada lá na gringa, no meio dos tops do WCT, no meio do mundo do surf e no continente africano. Se você conhece alguém que possa se interessar, envie o link desse post ou se você mesmo ficou interessado, me manda um email que falo os detalhes da viagem e como será a divulgação da marca e seus meios. O custo da viagem não é alto, nada de luxo, por isso fiquem a vontade para me enviar email com perguntas, idéias e notícias boas.

xpressurf@gmail.com

————————————————————————————————–

Who ever heard of J-bay? One of the most famous waves of immense planet, impeccable nature and rich culture. 

In June, I’m going over there, enjoy the waves and shooting a lot. The period that I will be there will coincide with the Billabong Pro, held on stage of the WCT in Jeffreys Bay. Like all travel, destination and route are not always right and followed as planned, the unexpected most times surprise us and know a part of this magical continent that is Africa, will I have many experiences, new, good, bad, the important thing is to make the most. Many texts are created together with their photos, trying to represent the moment. This trip will be fucking good! Someone wants me company? Let’s Go. 

Someone there has any tips on J-bay? Know someone there? Send me an email with the contact person if possible. 

I am looking for”sponsors”, any trade or who are interested in having your brand internationally disseminated, tops in the middle of the WCT, in the midst of the world of surf and on the African continent. If you know someone who might be interested, send the link of that post or if you got interested, send me an email that I speak the details of the trip and will be spreading the brand and its resources. The cost of travel is not high, no luxury, so feel free to send me email with questions, ideas and good stories.

xpressurf@gmail.com

Making Waves by Vincent Laforet

jamie

‘Trailer” de um documentário feito pelo fotógrafo, Vincent Laforet, estrelado pelo surfista Jamie O’Brien. Foi produzido no Hawaii e tem ótimas imagens, além da música que se encaixou!

É só clicar e assistir.